Casa Histórica de Vila Seca

CASA HISTÓRICA DE VILA SECA  

Vistação de segunda a sábado, das 9h às 12h e das 13h30min às 17:30 

Localização: Rua Ângelo Balbinotti, 945, Vila Seca. Fica no centro, quase em frente à Igreja do Divino Espirito Santo.



Construído pelo avô de Jorge Medeiros, a casa é uma das construções mais antigas de Vila Seca. Antônio Inácio de Oliveira era carpinteiro e ficou viúvo cedo de Angelina Pasquali. Sua segunda mulher, Vitória Bassanesi, tinha um irmão chamado Dante e aficcionado por moinhos. “O cunhado do meu avô o convenceu a fazer um moinho. Então, nos idos de 1953 e 1954, eles construíram o prédio e compraram as pedras e o maquinário em Flores da Cunha. Os equipamentos já eram antigos, sabemos que têm mais de 100 anos”, conta Jorge.

O moinho funcionou até a morte de Antônio, em 1966. Depois, ficou um tempo parado e chegou a ser alugado para um restaurante. Nesse período, as pedras que serviam para moagem dos gãos foram retiradas e guardadas. Quando retornou a Vila Seca para morar, Jorge decidiu montar novamente o moinho, e hoje produz farinha em um espaço que fica atrás do casa.

Neto de Angelina Pasquali, Jorge faz parte da família que deu início a toda a história do distrito. O avô da sua avó Angelina, Patrício Pasquali, foi o fundador de Vila Seca. Vem dali, também, a disposição por preservar um patrimônio tão importante.

Hoje, na parte térrea da casa, funciona um Ateliê. E no subsolo, marcenaria com especialidade em caixas para abelhas.

CLIQUE AQUI PARA TRAÇAR A ROTA ATÉ O LOCAL