Amor na Terra Morangos

AMOR DA TERRA MORANGOS -  Cultivo de Morangos Semi Hidropônicos e produtos coloniais.

Período de safra de setembro a abril, preciso ligar antes e confirmar.

Endereço: Rua Domingos Mazzochi, 203 localidade de São Braz - Distrito de Fazenda Souza.

Fone/whtas: 54 9201-2454

instagram.com/amor_na_terra



Amor na Terra Morangos é a realização de Mariel

Depois de duas trocas de faculdade e anos trabalhando na indústria, ela mudou de vida

Foi no cultivo do morango que Mariel Mazzochi se encontrou. Depois de trocar de faculdade e trabalhar por 15 anos na indústria, ela sentiu que não era aquilo que queria. E decidiu mudar de vida. Com uma infância em meio à agricultura e o pai, Hilário Mazzochi, como exemplo, resolveu sair do trabalho e investir em algo que a permitisse trabalhar ao ar livre, ter mais tempo para ficar com o filho e, consequentemente, mais qualidade de vida. “Algumas atividades na agricultura são pesadas para a mulher, então procurei algo que não fosse assim. Fiquei em dúvida entre morangos e cogumelos e decidi começar pelo morango. O cogumelo não está descartado, quem sabe no futuro”, conta ela.

O Amor na Terra Morangos nasceu em 2019 na localidade de São Braz, no distrito de Fazenda Souza. Pouco tempo depois, veio a pandemia, e Mariel logo precisou se adaptar. “O auge do meu trabalho foi na pandemia. Eu entregava em lugares que fecharam, então tive que buscar novos clientes. Consegui abrir uma carteira grande e superei”, conta. Toda a estrutura foi construída por ela e pelo marido, Gabriel Andreazza, e a ideia é oferecer uma fruta natural, saudável. Mariel começou com quase nada de agrotóxicos e passou todo o primeiro ano fazendo cursos. “O meu marido me ajudou em tudo. Sem ele, eu não teria conseguido”, completa.

Hoje, ela está realizada. Diz que o escoamento é fácil a partir de São Braz, e como ainda mora em Caxias do Sul, faz as entregas quando volta para casa. É possível pedir de qualquer bairro e, dependendo a distância, há cobrança de uma taxa. Tudo isso, você combina direto com Mariel, no telefone (54) 99201.2454. “Eu estou contente, precisei aprender muito, trocar o INSS pelo Talão do Produtor, mas vale a pena. Trabalhar ao ar livre é bom, mesmo quando está zero grau. Troquei duas vezes de faculdade, demorei para saber o que eu queria, mas na agricultura me encontrei. Ter qualidade de vida e trabalhar em algo que não lhe estresse faz bem para a cabeça”.

A mãe, Lorena Mazzochi, também deu apoio e ajudou a cuidar do neto para que Mariel pudesse se qualificar. Hoje, quando olha para o que construiu, diz que o mais valioso foi a frase que ouviu do pai: “Ele disse que tem muito orgulho de mim”.

.

CLIQUE AQUI PARA TRAÇAR A ROTA ATÉ O LOCAL