Abertura de wine bar inaugura a revitalização da Cantina Pão & Vinho

Intervenção arquitetônica no casarão histórico devolve área de convivência à comunidade

As obras de revitalização do casarão que abrigou a tradicional Cantina Pão & Vinho, localizada próxima ao Museu Casa de Pedra, no bairro Santa Catarina, serão inauguradas dia 1º de dezembro com a abertura do Tannat Wine Bar. O espaço é a âncora do complexo, que conta ainda com uma segunda sala para locação, já em negociação com empreendimento do ramo gastronômico.

Mais do que a renovação de um prédio tombado pelo Patrimônio Histórico de Caxias do Sul, o projeto proposto pela Palk Business Hub devolve à cidade uma área de convivência revitalizada no bairro Santa Catarina, valorizando seu contexto histórico por meio de um novo espaço de lazer enogastronômico. Esse conceito inovador para o segmento de gestão patrimonial na região mostra ao público que existe uma relação de respeito com a história do ambiente que por muitos anos foi prestigiado tanto por caxienses quanto por visitantes do complexo turístico composto pelos Pavilhões da Festa da Uva e o Museu Casa de Pedra.

As definições do projeto de restauro e os critérios de intervenção adotados pelos arquitetos Leonardo Bernardi e Carla Todescato foram elaborados após pesquisa histórica, levantamento das patologias e análise do estado de conservação das edificações, iniciadas ainda em 2016. Em seguida, foram organizados três grupos de critérios: a conservar, a demolir e a construir, formando o conjunto de ações da intervenção, baseado na Carta de Veneza – documento que norteia a conservação patrimonial.

“O prédio histórico, por si só, já é referência e destino, mas nossa curadoria comercial busca operadores comprometidos com essa história para valorizá-la e levá-la décadas a frente de maneira revisitada, atendendo às aspirações de consumo modernas dos dias atuais”, ressalta o empresário Luciano Bulla, diretor da Palk Business Hub. Ele adianta que o outro espaço disponível, no segundo piso do prédio, deve abrigar uma operação gastronômica que converse com a descendência italiana da região.

 

Valor à vinicultura

O Tannat Wine Bar ocupa 150 metros quadrados do salão principal do casarão e 130 metros quadrados para mesas na área externa. O empreendimento dos sócios Erich Tortelli, Alessandro Beltrame, Jéverson Brisotto e Jonatan Bittencourt vai valorizar a vinicultura nacional (50% do estoque) e também oferecer mais de 100 rótulos oriundos de 20 países. A proposta, também, é de simplificar o consumo do vinho por meio de quatro wine stations, máquinas nas quais o cliente poderá servir-se diretamente nas torneiras. O local também vai oferecer cardápio assinado pelo chef Ramon Zampieri, com opções de tábuas de frios, opções de carnes e pratos da culinária internacional.

 

A cantina*

A cantina de pedra erguida por José Andreazza em 1896 acompanhou a origem e o auge da vitivinicultura nas primeiras décadas do século XX. Após o falecimento de José, em 1934, a propriedade foi adquirida por Ângelo Tonet, em 1947, que passou a utilizar o imóvel para produzir e comercializar os vinhos Atílio Tonet (pai de Ângelo), marca que se manteve no mercado até os primeiros anos da década de 50.

Por volta de 1975, a produção foi transferida para a Linha 40, e o prédio que abrigava a cantina passou a ser alugado. Foi barbearia, salão de beleza e depósito de sucata, até que naquele mesmo ano as filhas de Ângelo, Colorinda e Marilene, resolveram instalar ali a Cantina Pão e Vinho, que serviu pratos típicos da gastronomia colonial italiana até 2011.

*Fonte: Memórias de Caxias do Sul pelo Viés do Patrimônio Histórico, de Heloisa Mezzalira


 

Créditos Giovanni Brembati.

O que tem para fazer em Caxias do Sul?
Deixa teu celular ai em baixo e recebas varias dicas de eventos que aacontecem na sua cidade ;)