Se você já tem cadastro
Se você é novo por aqui
Você é
CLIENTE ANUNCIANTE
Incluir, mostrar e destacar a sua empresa, produtos e serviços. Inclui autorização para cadastrar eventos.
PROMOTOR DE EVENTOS
Cadastro para poder incluir eventos na agenda.
Deve ser no nome do promotor responsável pelo evento.
Agroindústria Dolci Ricorddi

Agroindústria Dolci Ricorddi

Telefone (54) 9 9708 5364
DOLCI RICORDDI E AGROINDÚSTRIA de farináceos e geleias, espaço de lazer para curtir a natureza, fazer piquenique e degustar das delícias da propriedade.
Agroindústria Dolci Ricorddi
Endereço - Estrada Padre Ari Camelo, Linha São Paulo - Distrito de Santa Lúcia do Piaí.
Fone: (54) 9 9708 5364 Whats: (54) 9 9708 5364
Horário de Funcionamento
Mediante agendamento
Serviços Oferecidos
  • userfiles/banners/ao-ar-livre.png
    Espaço ar livre Espaço ar livre
  • userfiles/banners/espaco-crianca-4.png
    Espaço para crianças Espaço para crianças
  • 1468952300185173506.svg
    Espaço para eventos
  • 14688713361915872524.svg
    Estacionamento
  • 1468879396633438989.svg
    Internet
  • userfiles/banners/paty-flamy.png
    Pet friendly Pet friendly
  • 14688740701485348954.svg
    Petiscos
  • 1632964269157353183.svg
    Pix

Dolci Ricorddi: refúgio em Santa Lúcia do Piaí

Giovana Vidor alia a agroindústria com uma experiência na propriedade onde passava férias na infância

 

Em 2020, Giovana Inês Vidor começou a executar um projeto que há tempo desenhava na sua cabeça. A mudança para Santa Lúcia do Piaí possibilitou a criação da Dolci Ricorddi, um negócio baseado na agroindústria, mas que pretende entregar muito mais do que produtos. “Esse lugar foi uma doação dos meus avós para a minha mãe, então tenho lembranças de infância, eu passava as férias aqui com os meus avós. Por isso, o nome significa doces recordações”, explica Giovana.

   

A avó dela, Agricola Angelina Silvestre, sempre cozinhou, fazia massas e biscoitos. Ao lado do marido, Guerino Silvestre, construiu lindas recordações na família. O sabor da culinária passou de geração para geração. “Eu aprendi a fazer os biscoitos com a minha avó, a minha mãe também gosta muito de cozinhar, fazer geleias, marmeladas, então decidimos abrir a agroindústria aqui”, acrescenta. Ana Silvestre Vidor e Jatir Vidor, pais de Giovana, são parceiros no projeto e estão ajudando.

Porém, ela pretende ir além da agroindústria. Instalada em um propriedade linda, tem a ideia de receber pessoas para passar o dia, fazer piquenique e sentir um pouco da energia do interior. A ligação com a natureza faz com que os produtos sejam mais naturais, com menos química. “Teremos geleias de figo, morango e uva, além dos biscoitos. A previsão é que em novembro esteja tudo pronto para recebermos as pessoas”, detalha. Com o verão chegando, um programa ao ar livre e cercado por natureza é uma ótima escolha.

 

 

Como chegar